Respostas às perguntas

Videntes do bebê - Aceite os sinais

Videntes do bebê - Aceite os sinais



We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Até o final do século 20, subestimamos as habilidades dos bebês que vivem no útero e o impacto das mães e ambientes menores no desenvolvimento fetal.

A partir da experiência da análise do relacionamento materno-fetal (que é um método de construção de relacionamento profundamente emocional entre a mãe e o bebê), sabemos hoje que o contato com o bebê que outra garota que realmente a aceita sabe disso.

As complicações do nascimento não desaparecem

Esse contato precoce ajuda a evitar transtornos de humor depressivos posteriores, falta de apreciação e falta de autoconfiança. O contato precoce e o contato regular com o bebê resultam em complicações no nascimento, prematuridade, cauda ou estômago abertos. Em uma análise de relacionamento, um bebê que desenvolve um relacionamento tão profundo e duradouro, não apenas com o bebê, mas também com o bebê, é capaz de fechar um centro potencialmente saliente do bebê, venha à luz.

Ele entende sua mãe

Também é importante que mãe e bebê sejam capazes de se sintonizar sem interrupção, que se entendam exatamente, e que o bebê geralmente esteja um pouco à frente da mãe. Em outras palavras, eles se preocupam com a mãe melhor do que o contrário. A garantia da maternidade, a estabilidade e a segurança internas também aumentam, e toda a família é mais harmoniosa. Esses bebês amamentam bem, dormem bem à noite, são muito comunicativos durante o dia, alertas e geralmente gostam de brincar sozinhos; eles são surpreendentemente bons em criar relacionamentos e mostram um senso interno de estabilidade que não é característico da idade do bebê.

Personalidade individual

Toda experiência até agora confirmou que o bebê deve ser considerado uma pessoa distinta desde o momento da concepção e que o papel da mãe é capacidade de desenvolvimento e pode aproveitar ao máximo. A base e o lema da relação mãe-feto podem ser: "A saúde mental começa onde está a própria vida: no útero". Atualmente, o foco no nascimento está mudando do eu para o desenvolvimento do relacionamento mãe-feto.

Dê a si mesmo

Obviamente, nem todo bebê tem a oportunidade de participar de uma análise de relacionamento mãe-feto. Existem muitas outras maneiras pelas quais você pode usar especialistas externos para ajudá-lo a desenvolver e melhorar seu relacionamento com seu bebê. Na próxima parte de nossa série, discutiremos mais dessas práticas, juntamente com o contexto apropriado do sistema nervoso.

Olhe dentro

Por enquanto, gostaríamos de chamar a atenção para o fato de que o contato com o bebê exige atenção do interior do bebê, exige que o corpo se volte para dentro, em um estado relaxado e relaxado. Infelizmente, o avanço da civilização técnica nos privou de ouvir e tentar entender os sinais provenientes de nosso próprio corpo. Se você deseja entrar em contato com seu bebê, primeiro ele deve ceder ao seu próprio corpo e entrar em contato com ele. Se isso for bem sucedido, o pequeno contato será automaticamente cancelado.